Estrada dos três Rios, 741 Sala 307 - Rio de Janeiro - RJ 21 2106-1300 21 99126-7261

Tudo sobre nobreak: o que é, vantagens, proteções e muito mais

Gostou? compartilhe!

Conheça mais sobre Tudo sobre nobreak: o que é, vantagens, proteções e muito mais

Tudo sobre nobreak: o que é, vantagens, proteções e muito mais

Na medida em que aumentamos o uso de dispositivos eletrônicos com fins de entretenimento, segurança e trabalho, é preciso tomar ações para protegê-los e manter seu funcionamento diante de qualquer problema com o fornecimento de energia elétrica. O nobreak é o equipamento ideal para isso.

Também chamado de UPS (Uninterruptible Power Supply ou, em português, Fonte de Energia Ininterrupta), o nobreak faz a alimentação dos dispositivos a ele conectados, e atua como regulador de tensão e protetor eletrônico.

Neste post, saiba o que é nobreak, quais os tipos disponíveis, vantagens, proteções oferecidas, onde usar e como escolher o melhor modelo para você. Acompanhe!

O que é nobreak 

O nobreak é um equipamento que protege e mantém em funcionamento dispositivos eletroeletrônicos em situações de oscilação ou ausência da rede elétrica. Possui, também, um sistema de estabilização inteligente para evitar queima e o mau funcionamento dos aparelhos.

Para entender melhor, considere o nobreak como um equipamento formado por um protetor eletrônico, estabilizador  e bateria. 

o que é nobreak

Por contar com bateria interna ou externa, os nobreaks impedem o desligamento inesperado dos itens conectados, o que ainda contribui para preservar a vida útil dos equipamentos e a disponibilidade de tempo para você salvar seus arquivos, finalizar alguma outra atividade importante ou manter equipamentos críticos em funcionamento, por exemplo.

Os nobreaks são fáceis de instalar e mais econômicos se comparados à soluções como geradores de energia. Há modelos indicados para dispositivos mais sofisticados e para os mais simples, usados em casas, condomínios, empresas e comércio.

Variam também de acordo com a capacidade de autonomia e potência, e algumas versões permitem a instalação de uma ou mais baterias externas para ampliar o tempo de uso de um aparelho ligado ao nobreak. Confira os principais tipos de nobreak a seguir. 

Tipos de nobreak 

Os nobreaks se diferem segundo o modo de interação com os aparelhos conectados – interativo ou online – e pelo formato de onda elétrica produzido – senoidal ou semissenoidal (retangular).

Nobreak interativo

O nobreak interativo é assim chamado porque aciona a bateria interna após detectar um problema na rede elétrica. Uma vez detectado, o nobreak atua, alternando do modo Rede  de operação para o modo Bateria, que permanece ativo enquanto a rede elétrica estiver fora dos parâmetros adequados de energia. Essa mudança entre os modos de operação pode durar até 8ms, mas por ser imperceptível para a maioria dos equipamentos, eles continuam funcionando normalmente, sem desligar. Os modelos interativos estão disponíveis em dois formatos de onda: semissenoidal (retangular) e senoidal.

Senoidal 

O nobreak senoidal – que pode ser tanto interativo, quanto online – é capaz de compensar variações de tensão e entrega onda de forma senoidal no modo Bateria. Esse modelo é indicado a equipamentos sofisticados, de alto desempenho ou sensíveis a variações no formato de onda, como servidores, workstations, PCs gamers e computadores dotados de fontes com função PFC.

Semissenoidal

O nobreak semissenoidal – ou senoidal por aproximação – compensa as variações de tensão da rede elétrica e entrega onda no formato retangular no modo Bateria. É indicado a eletrônicos simples, como TVs, desktops, roteadores, switches, câmeras, entre outros equipamentos.

tipos de nobreak

 

 Nobreak online

Os nobreaks online, também conhecidos como nobreaks de dupla conversão, são assim chamados porque fornecem energia aos equipamentos por meio de suas baterias, portanto, não há interrupção por tempo de comutação. Assim, um equipamento conectado a esse nobreak não irá perceber a queda de energia da rede elétrica quando ela ocorrer.

O nobreak online proporciona energia contínua e de altíssima qualidade – melhor até mesmo do que a energia fornecida pela rede elétrica – aos equipamentos conectados, mesmo se sofrer falhas ou sobrecargas. Devido a essa característica e por só oferecer a versão senoidal, é o mais indicado para dispositivos críticos e sensíveis, como servidores, data center, switches, computadores de alto desempenho e equipamentos que não podem sofrer interrupção por tempo de comutação.

Benefícios do nobreak

Não são raras as situações em que alguém perde tudo o que estava fazendo em um computador devido à queda de luz, não é mesmo? Por exemplo, em reuniões, cursos e treinamentos online, em caso de falta de energia, é impossível continuar com a conferência. Se essa pessoa tivesse um nobreak, isso seria evitado, pois a bateria seria ativada e o desktop continuaria ligado.

Mas, além disso, o nobreak regula a tensão e otimiza a energia entregue aos equipamentos conectados, sem oscilações, o que é uma proteção extra, pois um aparelho submetido a energia de má qualidade pode sofrer danos. Assim, proporcionam autonomia, protegem de queima e preservam a vida útil dos equipamentos. 

Confira as vantagens e proteções oferecidas pelo nobreak.

Vantagens

Garantia de segurança aos ambientes

Computadores, câmeras de monitoramento, alarmes entre outros dispositivos de segurança, estão sujeitos a ficar indisponíveis em situações de falta de energia elétrica. O nobreak evita o desligamento inesperado dos aparelhos, garantindo a segurança do local.

Estabilidade da tensão de aparelhos sensíveis

Oscilações de tensão na rede são potencialmente danosas aos aparelhos, que podem queimar facilmente. O nobreak protege os dispositivos da queima e preserva a vida útil destes e também atua como um estabilizador, o que assegura o bom funcionamento dos dispositivos. 

Redução dos prejuízos operacionais

Aparelhos inativos podem gerar sérios prejuízos operacionais, afinal, hoje é difícil alguma empresa ou profissional autônomo não trabalhar com dispositivos eletrônicos. A queda de energia elétrica pode causar não só atrasos, como também danificar um hardware.

Proteções 

  • Contra subtensão

A subtensão ocorre em duas situações: com a redução na tensão fornecida pela concessionária da rede elétrica ou ao conectar vários dispositivos numa mesma tomada. Quando isso acontece, podemos ter uma pane inesperada ou comprometimento do funcionamento dos aparelhos.

O que o nobreak faz: regula a tensão e entra em modo Bateria se a redução for muito drástica.

 

  • Contra sobrecarga

Se uma carga ligada ao nobreak for maior do que a sua capacidade, ocorre a sobrecarga, que pode ocasionar aquecimento excessivo dos componentes do nobreak.

O que o nobreak faz: seus sensores monitoram a carga conectada e, se ela for excessiva, sinais sonoros são emitidos. Para resolver, basta desconectar um ou mais dispositivos. 

 

  • Contra curto-circuito

Há curto quando uma corrente elétrica elevada passa em um circuito.

O que o nobreak faz: com sua proteção eletrônica, evita que os dispositivos conectados sejam queimados.

 

  • Contra sobreaquecimento no inversor

Ocorre quando a carga ligada ao nobreak é maior do que é oferecido pelo equipamento.

O que o nobreak faz: aciona a bateria assim que detectar sobrecarga.

 

  • Contra sobretensão

A sobretensão é causada pela elevação na tensão fornecida pela concessionária.

O que o nobreak faz: regula a tensão e entra em modo Bateria.

 

  • Contra descarga total/sobrecarga da bateria

A bateria do nobreak pode descarregar de duas maneiras: carga alta e descarga rápida ou carga baixa e descarga lenta.

O que o nobreak faz: mantém as baterias em um nível de carga mínimo para evitar a descarga total.


Em quais cenários é possível utilizar o nobreak

Os nobreaks vem sendo cada vez mais procurados, pois temos interagido mais com inúmeros dispositivos eletroeletrônicos. Veja onde usar o equipamento.

Ambientes corporativos e comerciais

Nesses ambientes geralmente há muitos dispositivos conectados à energia elétrica. Por isso o nobreak é muito importante. Entenda melhor o porquê.

Sistemas sempre ativos

Câmeras de segurança, sistemas de CFTV, centrais telefônicas, máquinas de cartão e switches são alguns exemplos de equipamentos que precisam estar ativos o tempo todo, pois qualquer interrupção pode representar prejuízo e comprometer a segurança. Ao fornecer energia e proteger contra surtos, o nobreak pode ajudar a manter as atividades da empresa e continuar operando. 

Proteção de dados e de dispositivos sensíveis

Os nobreaks evitam que danos afetem dispositivos sensíveis, como os presentes em empresas de engenharia e criação. Provedores de internet também necessitam dessa proteção para seus servidores. 

Aliás, o nobreak deve ser considerado um item auxiliar básico para data centers. Imagine ter problemas no processamento de tráfego dos dados de sua companhia, como informações importantes e sigilosas suas e de seus clientes? Se houver queda de energia elétrica, o nobreak mantém o data center funcionando normalmente.

 

Ambientes residenciais e condominiais

Seja dentro de casa ou em condomínios, dispomos de muitos dispositivos eletrônicos para entretenimento, segurança e trabalho home office

Sistemas sempre ativos

Câmeras de segurança, roteadores, repetidores de sinal, sistemas de CFTV, telefones sem fio, modem, computadores e impressoras permanecem ativos com o nobreak. O nobreak mantém a conexão e oferece mais tempo para salvar arquivos importantes. 

Proteção de dispositivos valiosos e sensíveis

Não é uma boa ideia investir em um computador de alto desempenho para jogar ou editar vídeos, por exemplo, e não utilizar o nobreak. O risco é muito alto. Um nobreak protege a placa de vídeo e mantém o funcionamento, evitando interrupções inesperadas. 

 

Como escolher o nobreak ideal

Na hora de escolher o equipamento nobreak ideal para o seu cenário, além de verificar a tensão adequada – 220 V ou 120 V – considere esses três pontos fundamentais:

  • Quais e quantos dispositivos estarão ligados ao nobreak?
  • Qual a potência do(s) equipamento(s) que você deseja conectar ao nobreak?
  • Quanto de autonomia você quer?

Por que importa saber quais e quantos equipamentos serão ligados ao nobreak?

Como você viu anteriormente, há tipos diferentes de nobreak no mercado: o interativo – semissenoidal e senoidal – e o online – senoidal. Devido às suas características, eles se aplicam a diferentes dispositivos.

nobreak interativo semissenoidal é indicado para proteção de dispositivos eletrônicos simples, como:

  • Sistema de segurança;
  • Computador desktop;
  • Televisor e monitor;
  • Roteador e switch;
  • Videogame/Console;
  • Impressora jato de tinta;
  • Central telefônica e telefones;
  • Caixa registradora e máquina de cartão (PDV);
  • Home theater;
  • Controle de acesso.

nobreak online e o interativo senoidal são indicados para proteção de dispositivos eletrônicos sofisticados, como:

  • Dispositivos com fonte PFC – Power Factor Correction – ativo;
  • Servidor e  data center;
  • Computador de alto desempenho;
  • PC Gamer.

Após definir os equipamentos que serão conectados, é preciso analisar se essa quantidade se adequa ao nobreak pretendido. Por quê? Bom, é dessa maneira que você vai conseguir saber a potência total.

Qual a importância de conhecer a potência dos dispositivos?

Os modelos de nobreak possuem capacidades diversas de potência – quantidade máxima de energia possível de fornecer aos dispositivos conectados. Sabendo isso, você será capaz de dimensionar seu nobreak.

Para que um equipamento garanta o fornecimento de energia contínua a todos os dispositivos, sua potência não pode ser inferior à soma das potências destes. O ideal é que a potência do nobreak seja 30% superior à potência total dos dispositivos conectados a ele. A potência real, descrita em watts (W), é a que deve ser considerada no dimensionamento. 

E a autonomia?

A autonomia deve ser calculada porque se refere ao tempo que um nobreak consegue manter os dispositivos ligados apenas com a energia da bateria em caso de blackout. Vale lembrar que alguns modelos possuem conexão para bateria externa, o que aumenta a autonomia.

Cada equipamento possui seu próprio tempo de autonomia e para calculá-la você pode utilizar nossa calculadora. Informe a potência total – em watts – dos aparelhos que serão conectados e tenha acesso ao valor aproximado de autonomia que o modelo de nobreak vai fornecer. 

 

nobreak

Conclusão

O nobreak pode preservar a vida útil de um dispositivo, evitar a perda de seus dados e garantir a continuidade do seu trabalho e entretenimento e de sistemas de segurança. Portanto, investir num modelo deste equipamento é garantia de mais tranquilidade para você.

Pronto para investir no seu nobreak?

 

 

Fonte:  Blog da INTELBRAS



Gostou? compartilhe!

Whatsapp Bit 2000 Whatsapp Bit 2000