Estrada dos três Rios, 741 Sala 307 - Rio de Janeiro - RJ 21 2106 ... ver mais 21 99126 ... ver mais

Por que investir em energia solar

Gostou? compartilhe!

Conheça mais sobre Por que investir em energia solar

Por que investir em energia solar

mpitemporario.com.br/projetos/bit2000.com.br

O cenário de energia solar brasileiro vem apresentando números cada vez mais significativos. De acordo com o Balanço Energético Nacional 2020, em 2019 a potência instalada de energia solar cresceu mais de 250% em relação ao ano anterior. Com isso, foram gerados 1.659 GWh de energia, o que faz com que essa fonte seja a mais representativa na geração distribuída, com uma participação de 74,5 % – à frente da hidráulica (13,9%), eólica(1,3%), gás natural (0,7%) e outras fontes renováveis (9,5%).

Governos estaduais também perceberam a importância da energia solar. Recentemente, alguns estados ampliaram a participação da energia solar em política públicas, para reduzir o impacto ambiental e economizar recursos. Não é por menos. O Brasil oferece ótimas condições para a geração dessa energia, principalmente no nordeste, onde estão os maiores valores de irradiação solar. Centro-Oeste e Sudeste também são regiões com condições bastante favoráveis.

Investir nesse mercado também contribui para alcançar um dos principais objetivos da Organização das Nações Unidas – ONU: até 2030, aumentar substancialmente o uso de energias renováveis.

Mas há mais razões para fazer tal investimento. Quer saber por que investir em energia solar? Acompanhe este post para saber mais!

O que explica o cenário positivo no mercado fotovoltaico brasileiro?

O aumento da participação da energia solar na geração distribuída de energia – ou seja, realizada no local de consumo ou próximo a ele – pode ser atribuído a uma série de fatores. Confira a seguir:

Legislação favorável: IPTU Verde

Alguns municípios aplicam descontos no IPTU para casas que usam energia renovável ou tenham outros sistemas ecoeficientes. Conhecida como IPTU Verde, essa prática prevê descontos entre 10% e 100%.

Inclusive, a PEC n° 13, de 2019 – conhecida como “PEC do IPTU Verde” – aguarda apuração no Senado Federal para ser aprovada. O texto prevê que a utilização de energia de fontes renováveis garanta reduções progressivas no valor a ser pago no imposto.

Compensação de energia

Resolução Normativa n° 482, de 2012, da Agência Nacional de Energia Elétrica – Aneel – regulamenta o funcionamento da mini e microgeração de energia elétrica e estabelece um sistema de compensação energética, o que incentiva a implantação de fontes renováveis.

Os sistemas de mini e microgeração de energia são conectados à rede da distribuidora elétrica local. Quando o sistema produzir mais do que o necessário para abastecer o imóvel, o excedente é cedido à distribuidora e depois compensada em forma de créditos.

Linhas de crédito para financiamento

Muitas das linhas de crédito foram criadas para incentivar o uso de energia renovável, e estão disponíveis para residências, comércios, indústrias e outras empresas. Boas condições são oferecidas por diversos bancos que financiam boa parte da compra e instalação do equipamento e com prazos de até 12 anos.

Por que investir em energia solar?

A energia solar é facilmente aproveitada em qualquer contexto. Residências, empresas, indústrias e o agronegócio podem se beneficiar dela. Confira algumas vantagens.

É um ótimo investimento

Os dados mostram que a energia solar está mais acessível. Com as linhas de crédito disponíveis, há ainda mais facilidades na compra.

O retorno sobre investimento é considerado rápido: em média 4 anos. Além disso, a vida útil dos painéis solares é longa – até 25 anos com eficiência de 80%. A manutenção exige apenas uma limpeza dos painéis de 6 meses a 1 ano. E, claro, o imóvel é mais valorizado quando possui essa tecnologia.

Gera economia na conta de luz

É possível ter uma economia de até 95% do valor pago à distribuidora local, pois os sistemas são capazes de gerar energia elétrica suficiente para atender todo o imóvel.
Sem contar que se tiver excedente, este poderá ser usado em forma de crédito mais tarde.

É uma energia renovável e sustentável

A energia solar só depende da irradiação do Sol, então está sempre disponível, ainda mais num país como o Brasil. A geração é garantida todos os meses – mesmo em dias não muito ensolarados.

Portanto, é uma energia gratuita, eficiente, natural e renovável. Contribui para a preservação dos recursos naturais, e tampouco é prejudicial ao meio ambiente. Nada é nocivo é produzido na geração da energia. Nem mesmo ruídos.

Dá segurança e autonomia

O sistema fotovoltaico off grid ainda tem a vantagem de proporcionar autonomia e segurança na geração de energia. Como não precisa estar ligada à rede concessionária e armazena a energia em baterias, é uma ótima solução para locais em que a energia elétrica da concessionária não está disponível ou sua instalação é inviável – como residências, fazendas e empresas em locais afastados.

Energia solar: alternativa eficiente e acessível

O mercado fotovoltaico no Brasil está em expansão. A tecnologia é cada vez mais acessível. Além disso ótimas oportunidades de financiamento são encontradas e a legislação está mais favorável a quem escolhe investir nessa energia.

Portanto, está mais fácil usufruir de um sistema autônomo, econômico, prático e sustentável, que garanta eficiência energética.

 

Fonte:  Blog da INTELBRAS



Gostou? compartilhe!

Whatsapp Bit 2000 Whatsapp Bit 2000 Whatsapp Bit 2000 Whatsapp Bit 2000